Arquivo para categoria: MH na Imprensa

Mosimann-Horn no guia Chambers and Partners Latin America

Pela nona vez consecutiva, o Mosimann-Horn foi ranqueado pelo guia internacional Chambers and Partners Latin America entre os mais recomendados escritórios de advocacia do sul do Brasil em resolução de disputas (contencioso e arbitragem), sendo o único catarinense a figurar na lista. É, também, a nona vez que o sócio Rafael Horn é apontado pela publicação como um dos melhores advogados na área de atuação.

O diretório é um dos mais respeitados mundialmente, e realiza ampla pesquisa para ranquear e referenciar os melhores escritórios e advogados de toda a América Latina.

Agradecemos nossos clientes e parceiros por todo apoio e confiança, e nossa equipe pelo maravilhoso resultado.

Acesse o ranking aqui.

Site deverá ressarcir cliente lesado em fraude na operação de bitcoins

 Mosimann-Horn, representando os interesses de investidor vítima de fraude digital, obteve sentença favorável para responsabilizar civilmente website responsável por intermediar transações de criptomoedas. O cliente se viu surpreendido com a transferência fraudulenta de bitcoins de sua conta, sem autorização. O website foi condenado ao ressarcimento da quantia subtraída, de acordo com a cotação no dia da fraude, acrescido de juros e correção monetária. Atuaram no caso os advogados Lio Bocorny e Mallu Muffato. A notícia foi destaque na imprensa (Portal do TJSC e Migalhas). Para saber mais, clique aqui.

MH Social levará 31 crianças do Morro do 25 para visita ao Projeto Tamar

Na próxima quinta-feira (31.10), o nosso programa MH Social levará 31 crianças da comunidade do Morro do 25, em Florianópolis (SC), que fazem o contraturno escolar na Casa dos Girassóis, para uma visita ao Projeto Tamar, situado na Barra da Lagoa.

No ND Mais de hoje (29.10), o jornalista Fabio Gadotti fez o registro da nossa ação social.

 

Foto: Flavio Tin

Ação promovida pelo MH Social é destaque na mídia

Confira aqui reportagem do Jornal do Almoço – NSC TV que tratou da doação que os colaboradores do Mosimann-Horn, através do programa MH Social, realizaram hoje (18.07) para o Centro Cultural Escrava Anastácia – CCEA.

Mais de 300 peças de roupas, que além de aquecer os jovens carentes, permitirão que participem de entrevistas e processos seletivos devidamente trajados.

Parabéns à nossa Caroline Vizeu, pelo engajamento na causa e, também, aos demais agentes de mudança responsáveis pelo programa MH Social: Mallu Muffato, Luisa Karam, Jaiber Mina e Luana Tomasi.

MH no Leaders League 2018

Mosimann, Horn foi referenciado entre os escritórios altamente recomendados no Brasil na edição 2018 do anuário “Ranking of the Top Law Firms”, publicado pela francesa Leaders League. O escritório é indicado em sua principal área de atuação: Contencioso Civil e Comercial.

A presença no renomado ranking internacional é fruto de um árduo e contínuo trabalho de excelência. Agradecemos aos profissionais pela dedicação e aos nossos clientes pela confiança.

Clique no link abaixo para acessar o ranking completo:

http://www.leadersleague.com/pt/rankings/resolucao-de-conflitos-contencioso-civil-e-comercial-rankings-2018-escritorio-de-advocacia-brasil

Competição Internacional de Direito e Arbitragem terá simulado na UFSC

Pela primeira vez uma equipe de universitários catarinense irá participar da maior competição internacional de direito e arbitragem para estudantes da área, o Willem C. Vis International Commercial Moot, ou simplesmente Vis Moot. Mas antes disso, também de forma inédita no Estado, a Universidade Federal de Santa Catarina irá sediar um “simulado” no dia 12 de março, onde o seu time terá a oportunidade de demonstrar algumas habilidades que serão apresentadas durante o torneio internacional, de de 23 a 29 de março, em Viena.

E para reforçar o preparo do grupo catarinense, o advogado Lio Bocorny, do escritório Mosimann & Horn, da Capital, foi convidado para atuar como “coach” da equipe. Especialista no assunto, Lio concluiu no ano passado um dos mais concorridos mestrados em arbitragem, em Nova Iorque. “A arbitragem é um método alternativo de resolução de disputas que vem crescendo muito no Brasil. E poder participar de um evento deste porte, experimentando todo o clima de uma negociação internacional, é um grande diferencial para a carreira desses jovens. Além é claro, de toda a bagagem que eles adquirem em trocas com estudantes das mais diversas culturas jurídicas e que poderão aplicar aqui, nas arbitragens domésticas”, analisa.

O Vis Moot é uma competição internacional de direito e arbitragem, que está em sua 25ª edição, sendo realizada todos os anos nas cidades de Hong Kong (vis moot east) e Vienna. Trata-se, basicamente, de uma simulação que oportuniza aos estudantes experimentarem por alguns dias o papel de um advogado de empresa internacional durante uma arbitragem comercial internacional. Com isso, eles se aproximam da prática do direito do comércio internacional e dos métodos alternativos de resolução de disputas. Vale lembrar que, todo o processo é realizado em inglês e regido pela “Convenção Internacional de Compra e Venda de Mercadorias”, do qual o Brasil é parte desde 2014.

A competição se desenvolve em duas fases distintas: escrita e oral. Os competidores primeiramente recebem o caso e submetem duas petições com as razões do Autor (Requerente) e do Réu (Requerido), devendo analisar todos os documentos relevantes ao caso, como e-mails, contratos, testemunhos, ente outros. Após as fases escritas, os competidores se encontram nas rodadas orais em Viena, onde ocorrem as simulações dos tribunais arbitrais onde os árbitros são reais praticantes de arbitragens comerciais internacionais.

Fonte: Blog do Prisco – blogdoprisco.com.br | 10.03.2018